MARANHÃO NA TELA – 10 ANOS.

WhatsApp Image 2017-08-17 at 15.42.34

Foi uma noite gloriosa. Mavi subiu ao palco radiante! À plateia do Teatro Alcione Nazaré, no Centro de Criatividade Odylo Coosta Filho, Praia Grande, foi mostrado um vídeo contando um pouco sobre os dez anos do Maranhão na Tela, idealizado por essa paulista com coração maranhense. Mavi lembrou os desafios da equipe e falou da importância cultural e social do projeto. Ela também destacou os avanços do cinema maranhense. Em seguida, foi exibido o documentário Mexeu com uma mexeu com todas, de Sandra Werneck, que mostra depoimentos de mulheres que sofreram abusos, como a nadadora Joanna Maranhão, a ex modelo Luiza Brunet e a escritora Clara Averbruck. Clara estava presente e, antes do filme, falou sobre a questão e declarou ter sido vítima de estupro aos treze anos. Outra presença marcante no filme é a da farmacêutica Maria da penha, que deu nome à lei que tornou crime a violência contra a mulher.

A jornalista Ana Cristina Lago (Comunique Clipping) com o ator Júlio Machado, do filme Joaquim, e a escritora Clara Averbruck, do Mexeu com uma mexeu com todas

A jornalista Ana Cristina Lago (Comunique Clipping) com o ator Júlio Machado, do filme Joaquim, e a escritora Clara Averbruck, do Mexeu com uma mexeu com todas

A décima edição do Maranhão na Tela acontece até o dia vinte e seis de agosto com programação que inclui oficinas, cursos e Cine Café, e segue cumprindo a ideia de fomentar a produção audiovisual maranhense.

WhatsApp Image 2017-08-17 at 15.43.50

Parabéns à Mavi Simão e toda a equipe que acredita nesse projeto lindo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Que tal se cadastrar para receber os novos textos assim que publicados?